quinta-feira, 7 de Fevereiro de 2008

Hinduísmo, Islamismo e Cristianismo: Perspectivas em análise


O Hinduísmo surge como uma religião que engloba um conjunto de tradições culturais, sociais e religiosas. O ser supremo desta religião é o Brahma (ver figura). O conceito Hindu de divindade é simultaneamente panteísta e politeísta. O carácter politeísta desta religião é facilmente reconhecido através da adoração a diversos deuses:

- Brahma, o criador; Shiva, o destruidor; Vishnu, o preservador e Kali, a deusa-mãe.

Os Hindus encaram ainda o mundo como um estado transitório e de importância reduzida. A ideia de reencarnação está bem patente na sua doutrina.Na perspectiva Hindu, o mal não é considerado um atentado contra Deus. A salvação pode ser obtida através de três formas distintas:

  • Através do conhecimento.

  • Através da devoção.

  • Através das obras.

Relativamente ao Islamismo ou religião muçulmana, esta apresenta as seguintes caracteristicas:

  • Religião monoteísta.

  • Crença em Allah.

  • Crença nos anjos, profetas e livros sagrados.

  • Crença no dia do Julgamento Final.

  • Crença na predestinação.

Apresentam-se ainda os cinco pilares elementares do islamismo:

  • A recitação e aceitação do credo.
  • Oração.
  • Pagar esmola.
  • Observar o jejum.
  • Fazer a perigrinação a Meca.


O cristianismo surge actualmente como a religião com maior número de adeptos. Em traços gerais, esta religião caracteriza-se por a crença no monoteísmo e da importância na figura de Jesus de Nazaré.

Apresenta a fé como factor determinante para atingir a vida eterna e salvação.

Crença na vida depois da morte.

A igreja é visualizada como como um local de culto previligiado.

Formas de culto diversificadas: (Oração; eucaristia; leitura da biblia).


Biliografia:

DELUMEAU, Jean (dir.), As Grandes Religiões do Mundo, 3.ª ed., Lisboa, Editorial Presença, 2002.

Sem comentários: